Ensaio Tipografias publicado na Carcará Photo Art

Fiquei bastante reticente sobre como anunciar uma notícia boa em tempos tão ruins. Também foi difícil estar com um estado de espírito para conseguir escrever algo. Em tempos tristes, costumeiramente me silencio e entro num momento bem introspectivo, tanto de fala como de escrita e mantenho mais conversas internas, basicamente.

Sem dúvida, fiquei bastante feliz com a publicação do ensaio Tipografias na revista especializada em fotografia artística, a Carcará Photo Art #25 e aproveito para agradecer por toda a atenção e gentileza que toda a equipe teve comigo. A revista está linda! Muitos ensaios que prenderam a minha atenção e estimularam análises e reflexões. Vou deixar o link da revista aqui (https://issuu.com/carcaraphotoart/docs/carcara__25?fr=sZGFjMDE0NjExMzQ) para o acesso online e gratuito da revista, vale a pena demais conferi-la!

Sobre o ensaio, realizado ano passado, no início do isolamento social, em que incertezas imperavam (ainda imperam), esperava que este ano eu olhasse para as fotos e fossem lembranças de algo que já estivesse para trás, mas, enquanto alguns países podem comemorar e ver a pandemia já saindo do horizonte, sobretudo pelo rápido avanço da vacinação, a única saída real, infelizmente, nós ficamos para trás e sofremos pela irresponsabilidade elevada a um patamar insuperável da gestão (gestão?) dos níveis superiores do Estado brasileiro.

Nisto, o que poderia ter sido algo temporário ainda é a nossa realidade, e o ensaio se propõe a apresentar simultaneamente aspectos deste contexto fora do usual e ainda presente com os aspectos que se mantiveram deste mundo em suspensão, tendo as demarcações textuais pela cidade de Salvador com liame. Mais reflexões deixo para o texto presente na revista (página 62). O texto está em inglês, mas conta com a versão em português no final da revista. Desejo a todos uma boa leitura.